A ARCA DE VINICIUS

Musical Infantil - Duração: 50 minutos


 “... Além do repertório sofisticado, a montagem premiada pelo Sesc/Sated deste ano leva para a cena instrumentistas, que ajudam na narrativa, e aposta em cenário atraente, sem parafernálias ou recursos complexos. Para eles, bom trabalho para crianças é sinônimo de simplicidade e bom gosto...”

Jornal Estado de Minas – 09/10/2009

 “... canções de Vinicius de Moraes são relembradas em espírito lírico e generoso, da Cyntilante Produções. A peça A ARCA DE VINICIUS, com elenco bem preparado para a responsabilidade de cantar e interpretar em espetáculo para o exigente público infantil...”

Jornal Estado de Minas em 09/10/2009

 “.... o diretor Fernando Bustamante e a Cyntilante Produções apostaram em ícones da cultura brasileira e presentearam o público com um espetáculo infantil que demonstra como é possível chegar aos pequenos com algo mais que o mero tatibitati. Música e literatura se aliaram para a construção de “A Arca de Vinicius”, peça que retoma os poemas de Vinicius de Moraes e canções criadas a partir deles. Com referência na biografia do poeta, a trama leva à cena outros grandes escritores, como Carlos Drummond de Andrade, Manuel Bandeira e Cecília Meireles, para contar a história do menino que sonha mudar o mundo.

Jornal Estado de Minas em 29/12/2009

 “... fazer teatro para crianças é tarefa que nem sempre é levada a sério pelos produtores da cidade. N caso de “A arca de Vinicius” dirigida por Fernando Bustamante ocorre justamente o contrário. O cuidado primoroso com todos os elementos da encenação fazem do espetáculo uma ótima pedida... “

Jornal Pampulha em 28/02/2009

 “... com interpretação musical ao vivo, o trabalho é uma brincadeira convidativa, que oferece a plateia abordagem diferenciada e criativa.”

Jornal Estado de Minas em 05/02/2010

 A premiada montagem A ARCA DE VINICIUS conquistou os prêmios de Melhor Espetáculo, Melhor Iluminação, Melhor Direção e Maior Público Infantil em 2009. O musical apresenta parte da única obra poética de Vinícius de Moraes destinada ao público infantil (A Arca de Noé). Publicado em 1970, o livro traz trinta e dois poemas, quase todos falam de bichos. Na época do lançamento apareceram algumas canções que o próprio Vinícius musicou, como “A Casa” e “O Pato”. Porém, grande parte das poesias só recebeu melodia quando Toquinho, Tom Jobim e amigos investiram em uma homenagem ao poeta. O resultado foi o lançamento de dois álbuns: A Arca de Noé – vol. 1 (1980) e A Arca de Noé – vol.2 (1981), muito elogiados pela crítica na época. Desde então, a obra do “poetinha” entrou para a história e tem atravessado gerações até os dias de hoje.

 SINOPSE

O espetáculo conta a história de Vinícius, um menino que deseja um mundo melhor. Ele recebe uma carta anônima que solicita a sua presença em uma “Escola”, local onde conseguirá realizar seu pedido. Vinícius (interpretado pela atriz Jai Baptista) é levado pela curiosidade e no percurso encontra animais como a Coruja, o Leão, o Pingüim, a Foca, o Gato, a Pulga e tantos outros, que o ajudam a descobrir que o conhecimento, a poesia, o bom humor, a música e a literatura são ferramentas simples e importantes para qualquer pessoa melhorar o mundo. 

FICHA TÉCNICA

Texto: Leo Mendonza; Músicas: Vinícius de Moraes; Adaptação, encenação e direção geral: Fernando Bustamante; Direção Musical: Fernando Muzzi; Arranjos Instrumentais: Fernando Muzzi; Arranjos Vocais: Fernando Muzzi e Valéria Braga; Elenco: Chris Geburah (VIRTUDE), Gil Guedes (S. FRANCISCO), Rafael Ventura (SERAFIM), Jai Baptista (VINICIUS), Isabela Michielini (QUERUBIM); Músicos: Gil Guedes (teclado), Vanilce Rezende (violoncelo); Stand-by: Hadassa Baptista, Maria Tereza, Fabiano Lana, Raíssa Alves Iluminação: Yuri Simon; Técnico de luz e som: Marco Túlio; Cenário: Cynthia Dias; Cenotécnica: Companhia Cenográfica; Figurino: Alex Dario; Assistente de figurino: Victor Hugo; Costureiras: Darley Chaves e Diva Dário; Assessoria de Manipulação e Confecção de bonecos: Cauê Salles; Consultoria em teologia: Marla Costa; Preparação Vocal: Valéria Braga; Preparação Corporal: Ana Amélia; Produção Executiva: Fernando Bustamante.